22 janeiro 2018

Resenha #180 - Outubro (A Garota do Calendário Vol 10)!





Título: Outubro
Coleção: A Garota do Calendário Vol 10
Autora: Audrey Carlan
Editora: Editora Verus
Ano: 2016
Especificações: Brochura | 160 páginas
ISBN: 13: 9788576865315
 Sinopse
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser. Outubro virá com um sopro de novidade para Mia. Agora que as coisas estão quase todas resolvidas em sua vida, ela pode se estabelecer com o homem que ama e dar uma nova direção para sua carreira.

19 janeiro 2018

Resenha #179 - O Navio dos Mortos (Magnus Chase Vol 3)!





Título: O Navio dos Mortos
Coleção: Magnus Chase Vol 3
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Ano: 2017
Especificações: Brochura | 368 páginas
ISBN: 
13: 9788551002476
 Sinopse

Nos dois primeiros livros da série, Magnus Chase, o herói boa-pinta que é a cara do astro de rock Kurt Cobain, ex-morador de rua e atual guerreiro imortal de Odin, precisou sair em algumas jornadas árduas e desafiar monstros, gigantes e deuses nórdicos para impedir que os nove mundos fossem destruídos no Ragnarök, o fim do mundo viking. Em O navio dos mortos, Loki está livre da sua prisão e preparando Naglfar, o navio dos mortos, para invadir Asgard e lutar ao lado de um exército de gigantes e zumbis na batalha final contra os deuses. 
Desta vez, Magnus, Sam, Alex, Blitzen, Hearthstone e seus amigos do Hotel Valhala vão precisar cruzar os oceanos de Midgard, Jötunheim e Niflheim em uma corrida desesperada para alcançar Naglfar antes de o navio zarpar no solstício de verão, enfrentando no caminho deuses do mar raivosos e hipsters, gigantes irritados e dragões malignos cuspidores de fogo. Para derrotar Loki, o grupo precisa recuperar o hidromel de Kvásir, uma bebida mágica que dá a quem bebe o dom da poesia, e vencer o deus em uma competição de insultos. Mas o maior desafio de Magnus será enfrentar as próprias inseguranças: será que ele vai conseguir derrotar o deus da trapaça em seu próprio jogo?

17 janeiro 2018

Resenha #178 - Não Me Abandone Jamais!






Título: Não Me Abandone Jamais
Autor: Kazuo Ishiguro
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2016
Especificações: Brochura | 344 páginas
ISBN: 
13: 9788535926552
 Sinopse

Kathy, Tommy e Ruth são clones criados para doar órgãos. Tendo esse cenário de ficção científica por pano de fundo, e o triângulo amoroso como gancho, Kazuo Ishiguro fala de perda, de solidão e da sensação que às vezes temos de já ser "tarde demais". Finalista do Man Booker Prize 2005.
Kathy H. tem 31 anos e está prestes a encerrar sua carreira de "cuidadora". Enquanto isso, ela relembra o tempo que passou em Hailsham, um internato inglês que dá grande ênfase às atividades artísticas e conta, entre várias outras amenidades, com bosques, um lago povoado de marrecos, uma horta e gramados impecavelmente aparados. No entanto esse internato idílico esconde uma terrível verdade: todos os "alunos" de Hailsham são clones, produzidos com a única finalidade de servir de peças de reposição.
Assim que atingirem a idade adulta, e depois de cumprido um período como cuidadores, todos terão o mesmo destino - doar seus órgãos até "concluir". Embora à primeira vista pareça pertencer ao terreno da ficção científica, o livro de Ishiguro lança mão desses "doadores", em tudo e por tudo idênticos a nós, para falar da existência. Pela voz ingênua e contida de Kathy, somos conduzidos até o terreno pantanoso da solidão e da desilusão onde, vez por outra, nos sentimos prestes a atolar.
Cortesia Grupo Editorial Companhia das Letras 

14 janeiro 2018

Resenha #177 - O Conto da Aia!







Título: O Conto da Aia
Autora: Margaret Atwood
Editora: Rocco
Ano: 2017
Especificações: Brochura |368 páginas
ISBN: 
13: 9788532520661
 Sinopse
Escrito em 1985, o romance distópico O conto da aia, da canadense Margaret Atwood, tornou-se um dos livros mais comentados em todo o mundo nos últimos meses, voltando a ocupar posição de destaque nas listas do mais vendidos em diversos países. Além de ter inspirado a série homônima (The Handmaid’s Tale, no original) produzida pelo canal de streaming Hulu, o a ficção futurista de Atwood, ambientada num Estado teocrático e totalitário em que as mulheres são vítimas preferenciais de opressão, tornando-se propriedade do governo, e o fundamentalismo se fortalece como força política, ganhou status de oráculo dos EUA da era Trump. Em meio a todo este burburinho, O conto da aia volta às prateleiras com nova capa, assinada pelo artista Laurindo Feliciano.
Cortesia Grupo Editorial Rocco

08 janeiro 2018

Resenha #176 - Virgem (Virgem Vol 1)!







Título: Virgem
Coleção: Virgem Vol 1
Autora: Radhika Sanghani
Editora: Fábrica 231
Ano: 2017
Especificações: Brochura | 288 páginas
ISBN: 
13: 9788595170247
 Sinopse
Ellie Kolstakis tem 21 anos, ótimas amigas, uma boa situação financeira, está terminando a faculdade de Literatura Inglesa e ainda é... virgem. Mas ela está decidida a mudar isso até a sua formatura. Afinal, ela não escolheu esperar até o casamento, muito menos possui restrições religiosas ou está à procura de um príncipe encantado. O fato é que Ellie simplesmente não tem sorte quando o assunto é amor e sexo. Decidida a virar o jogo nos quatro meses que restam até se formar, a jovem divide seu tempo entre o trabalho de conclusão de curso, depilações inusitadas, seu blog, festas, conselhos de amigas e até mesmo tutoriais constrangedores no YouTube, envolvendo-se em situações mirabolantes e, claro, hilárias, da primeira à última página.
Cortesia Fábrica 231 (Grupo Editorial Rocco)

05 janeiro 2018

Coluna: Top Top #13!




Não só de livros bons se faz o homem, e no ano passado, entre o que se foi lido, nem tudo foram flores. No top de hoje, nós elencamos os livros mais decepcionantes de 2017 (porque dizer piores e extremamente pesado e generalizador e não queremos afetar sua experiência de leitura).

04 janeiro 2018

Coluna: Top Top #12!



2018 CHEGOU!

E depois de somar o saldo de leituras e selecionamos aquelas que mais nos marcaram, finalmente chegou a hora de mostrar. Por isso, comecemos nossa lista com os melhores de 2017, os livros favoritados e que entraram para o nosso coração.

Vale lembrar que a ordem não tem qualquer relevância. É apenas uma organização ok.

02 janeiro 2018

Resenha #175 - A Ascensão do Mal (Dorothy Tem que Morrer Vol 2)!






Título: A Ascensão do Mal
Coleção: Dorothy Tem que Morrer Vol 1
Autora: Danielle Paige
Editora: Rocco
Ano: 2017
Especificações: Brochura | 240 páginas
ISBN: 13: 9788579803802
Sinopse
Em Dorothy tem que morrer, Amy Gumm é uma garota do Kansas levada por um tornado para o mundo encantado de Oz. O que ela encontra por lá, porém, é uma paisagem bem diferente da descrita no clássico de L. Frank Baum, governada com mão de ferro por uma certa Dorothy Gale. Para fazer de Oz uma terra livre novamente, Amy precisa remover o coração do homem de lata, roubar o cérebro do espantalho e tomar a coragem do leão. E aí Dorothy morreria. Mas, em A ascensão do mal, aguardada sequência da série de Danielle Paige, ela continua viva. E o passado de Oz guarda muitos segredos que Amy ainda desconhece. Em quem ela poderá confiar para cumprir sua missão?
Cortesia Grupo Editorial Rocco

31 dezembro 2017

Feliz 2018!



365 ao lado de vocês foi tudo o que eu poderia pedir. E hoje, uma homenagem singela por isso

28 dezembro 2017

Resenha #174 - Dorothy Tem que Morrer (Dorothy Tem que Morrer Vol 1)!






Título: Dorothy Tem que Morrer
Coleção: Dorothy Tem que Morrer Vol 1
Autora: Danielle Paige
Editora: Rocco
Ano: 2016
Especificações: Brochura | 384 páginas
ISBN: 13: 9788579802737
 Sinopse
Primeiro de uma série, Dorothy tem que morrer engrossa um filão de sucesso no mercado editorial, no cinema e na TV: o reconto de clássicos infantis com nova roupagem para os jovens. Nesta releitura sombria do clássico de L. Frank Baum O mágico de Oz, Amy Gumm é uma nova garota do Kansas, que, em meio a um tornado, é enviada à terra de Oz com a missão de remover o coração do homem de lata, roubar o cérebro do espantalho, tomar a coragem do leão e destruir a garota dos sapatinhos vermelhos. Livro de estreia de Danielle Paige, Dorothy tem que morrer chega ao Brasil depois de figurar na lista dos mais vendidos do The New York Times.
Cortesia Grupo Editorial Rocco