Resenha #265 - Solanin Vol 1 / Solanin Vol 2!



Título: Solanin Vol 1
Coleção: Solanin
Autor: Inio Asano
Editora: L&PM
Ano: 2011
Especificações: Brochura |216 páginas
ISBN: 978.85.254.2466-2
 Sinopse
A Série L&PM Pocket Mangá traz ao leitor brasileiro as melhores histórias e autores de quadrinhos do Oriente, com opções para todas as idades. E, Solanin 1, do premiado quadrinista japonês Inio Asano, o jovem casal de namorados Meiko e Taneda decide dar uma virada em suas vidas e ir atrás de seus sonhos de música e liberdade.









Título: Solanin Vol 2
Coleção: Solanin
Autor: Inio Asano
Editora: L&PM
Ano: 2011
Especificações: Brochura |224 páginas
ISBN: 978.85.254.2467-9 
 Sinopse
A Série L&PM Pocket Mangá traz ao leitor brasileiro as melhores histórias e autores de quadrinhos do Oriente, com opções para todas as idades. Solanin 2, a segunda e última parte da aclamada história do mestre dos mangás Inio Asano, mostra que, frente ao abismo entre os sonhos e a vida como ela se apresenta, às vezes improvisar é a única saída possível.
Na ausência de Taneda, cabe a Meiko manter vivo o espírito da banda e a união de seu grupo de amigos. Tendo que enfrentar momentos difíceis, atormentada pela depressão e pela falta de perspectivas profissionais, ela ainda precisa subir ao palco para interpretar uma canção muito especial: "Solanin".
Publicado originalmente na revista Weekly Young Sunday entre 2005 e 2006,Solanin foi indicado em 2009 aos prêmios Eisner e Harvey de melhor mangá publicado nos EUA no ano anterior. Em 2010, foi lançada nos cinemas do Japão a versão cinematográfica da série estrelada pela cultuada atriz japonesa Aoi Miyazaki.


**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************
 



Pegue um zero, adicione outro zero... Infinito.

Até onde você deixou a sociedade te consumir? Até que ponto, você abdicou do que acreditava para possuir um emprego estável, uma renda respeitável com a qual você pode pagar suas contas e ainda gastar um pouco com coisas supérfluas que o fazem feliz apenas por alguns momentos e logo caem no esquecimento, e não obstante se torna lixo e é descartado?

Assim a sociedade nos cegou, nos enlouqueceu. Seguir adiante e esquecer que já tivemos sonhos. Às vezes, somos atingidos com toda a força pela sanidade, que diante dos outros é tão estranha; que é cunhada da loucura. Mas loucos, são os que continuam a seguir a mesma rotina, dia após dia, olhando apenas para os próprios pés e esperando que seus sonhos esquecidos se realizem, sem que nada tenham feito de diferente.

Meiko e Taneda, são um jovem casal, que foi atingido pela sanidade antes que fosse tarde demais. Voltaram mais uma vez seus olhos para o horizonte, e tentaram realizar seus sonhos, e no caminho vão despertando lembranças dos ideais que construíram junto com seus velhos amigos. É nessa empreitada pela busca do que haviam esquecido que se passam os dois volumes de Solanin e ao contrário do que costumamos apresentar e resenhar no blog, não se tratam de livros, mas de mangás. Porém, a história é tão simbolicamente e verbalmente densa, que não pude resistir a compartilhar. Imagens simples transcritos com palavras tão significativas que é impossível ignorar o sentido do que está contido em cada página, e ainda mais difícil não se apaixonar pela história.

Traduzidos e publicados no Brasil através da L&PM, a história é escrita e ilustrada por Inio Asano, sendo dividida em dois volumes. A obra se tornar uma verdadeira quebra da rotina literária, dando espaço de significação não só ao texto ou a imagem, mas a interação que existe entre um e outro, em um resultado simples e emocionante.

Não existem personagens perfeitos em Solanin. Não percorra suas páginas procurando por feições semelhantes aos super-heróis das revistas em quadrinhos infanto-juvenis, esse não é o foco da história. Muito pelo contrário, a maioria dos seus personagens podem ser considerados inclusive, feios, ou simplesmente, normais. São dispostos desta forma para nos conectarmos intimamente com seus defeitos, obtendo um espelhamento dos nossos próprios.

Como eu mencionei anteriormente, a trama se divide em dois volumes, sendo o clímax do primeiro volume, o ponto de divisão para o segundo, então, caso tenha interesse em ler, aconselho que compre os dois antes de começar, ou pode ficar um pouco desesperado para obter a continuação depois.


Ao final do segundo volume, existe uma música que repercute bastante no decorrer da obra como um todo, e, como houve a adaptação do mangá para filme, vocês podem também ouvir.



Inio Asano nasceu em 1980 na província de Ibaraki, no Japão. Em 2001, ganhou o prêmio GX, dedicado a revelar o talento de jovens autores de mangás. Nesse mesmo ano, publicou sua primeira HQ, “Uchuu Kara KonnichiWa” (“Saudações do espaço”), na revista Sunday GX, da editora Shogakukan. Solanin é sua série de maior sucesso, publicada com destaque na Europa, nos Estados Unidos e na China.


Um comentário

  1. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o livro, adorei a dica.


    bj
    @saymybook
    saymybook.blogspot.com

    ResponderExcluir

Expresse-se