02 janeiro 2016

Cinema #1 - Goosebumps: Monstros e Arrepios!





Título: Goosebumps - Monstros e Arrepios
Gênero: Aventura
Direção: Rob Letterman
Elenco: Amanda Lund, Amy Ryan, Anthony B. Harris, Ashleigh Jo Sizemore, Benjamin Papac, Caleb Emery, Clare Halstead, Drew Lamkins, Drew Lampkins, Dylan Minnette, E. Roger Mitchell, Ella Wahlestedt, Gabriela Fraile, Halston Sage, Jack Black, Jared Sandler, Jennifer Trudrung, Jillian Bell, John Deifer, John Herndon, Josh Phillips, Karan Soni, Kathy Walton Pulley, Keith Arthur Bolden, Ken Marino, Kevin Harrison, Kumail Nanjiani, Larry Mainland, Lucky Mangione, Luka Jones, Marshall Choka, Mason Pike, Michael Flayhart, Mickie Pollock, Natalie D'Addieco, Nate Andrade, Odeya Rush, Roger Neal, Rory Healy, Ryan Lee, Sarah Borne, Sean Gogan, Steve Quinn, Steven Krueger, Taber Cross, Timothy Simons, Vivian Kyle
Roteiro: Carl Ellsworth, Darren Lemke, Larry Karaszewski, Scott Alexander
Produção: Deborah Forte
Duração: 103 min.
Estúdio: Columbia Pictures / Original Film / Sony Pictures
 Sinopse
Chateado sobre se mudar para uma cidade pequena, o adolescente Zach Cooper (Dylan Minnette) começa a ver o lado bom da mudança quando conhece Hannah (Odeya Rush), sua vizinha. Logo, Zach descobre que o misterioso pai de Hannah é, na verdade, R.L. Stine (Jack Black), o autor da série de livros best-seller, Goosebumps. Conforme Zach começa a aprender sobre a estranha família da casa ao lado, ele logo descobre que Stine guarda um perigoso segredo: as criaturas tornadas famosas por suas histórias são reais, e Stine protege seus leitores mantendo-as trancadas em seus livros. Após libertarem acidentalmente uma das criaturas, cabe a Zach, Hannah e Stine se juntarem e levarem todos os monstros de volta aos livros aos quais pertencem para salvar a cidade.


**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************



Em Goosebumps - Monstros e Arrepios conheceremos Zach Cooper (Dylan Minnette), que acabou se mudar para uma cidade pequena, tendo problemas para se relacionar com os outros e tentando superar a morte do pai. É neste cenário que ele se depara com Hannah (Odeya Rush), sua vizinha. A garota parece ser divertida, misteriosa e muito maluca, características que logo atraem o personagem. Mas não é fácil fazer amizade quando o pai dela, R. L. Stine (Jack Black) é um verdadeiro pé no saco e mega ranzinza, como se odiasse o garoto antes mesmo de conhecê-lo. Desta forma, Zach se afasta... Ou pelo menos tenta. 


Certa noite ele escuta Hannah gritar e pressenti que seu pai maluco a está agredindo. Em um impulso e com a ajuda de um inesperado amigo, Zach invade a casa dos Stine e se depara em uma sala, recheada de livros de terror infanto-juvenis. Todos os livros estão trancados. Porque? Zach não sabe, mas está prestes a descobrir. Quando as monstruosidades começam a saltar das páginas, ele, Hannah Stine precisarão juntar forças para salvar a cidade e parar de uma vez por todas estas abominações. 

Entretenimento garantido, sem causar tédio, Goosebumps é um filme diferente, com uma tonalidade clássica, que com certeza, vai te divertir. Além de não passar de uma sátira aos velhos filmes de terror, o filme não chega em momento algum a ser algo assustador, mas pelo contrário, torna-se engraçado. E foi justamente este excesso de graça que tornou o enredo tão fraco em determinados momentos. Assim como em Kingsman - Serviços Secretos, a direção de Rob Letterman exagerou um tanto quando implementou as piadinhas da trama. Embora sejam sempre descontraída e quebrem o ar assustador do filme (estamos falando de algo voltado para crianças), em determinadas cenas, o exagero e apelo a pegada cômica fizeram o roteiro falhar, deixando as piadas, antes engraçadas, algo batido e sem vida. O mesmo se passa com seus personagens, que passam tanto tempo fazendo graça, que mal se mostram ao enredo e perdem-se um pouco, também, no meio de tanta palhaçada. A ideia da trama, pelo que percebi, não foi gerar algo sério (assim como Kingsman), mas sim apenas garantir diversão, e nesse sentido, o papel foi bem cumprido. 

Em interpretação, quem se sobressai com certeza é Odeya Rush. É impossível assistir o longa e não se sentir cativado pela sua personagem, que vai encantando o telespectador conforme vai mostrando quem realmente é. Além disso, o fato de ter um envolvimento romântico com o personagem de Minnette, torna esse ato de gostar dela ainda mais forte. O envolvimento dos dois, embora a trama seja uma comédia, não se mostra forçada em momento algum, pelo contrário, é um ás a mais a favor, chegando a ser fofo e o grande ápice de tudo.


Em momento algum tenha medo ou receio de vê Goosebumps - Monstros e Arrepios. Apesar de não ter grandes ensinamentos, o longa apresenta diversão do começo ao fim sem se mostrar cansativo ou repetitivo, menos que as piadas, apareçam, exageradas.


Um comentário:

  1. Gostei muito de Goosebumps quando assisti, dei muitas risadas. Amei o personagem de Ryan Lee, o Champ, fez valer o filme. http://chegadetalvez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Expresse-se