03 abril 2016

Resenha #45 - Segunda Chance!






Título: Segunda Chance
AutorElin Hilderbrand
Editora: Bertrand Brasil
Ano2016
Especificações: Brochura | 490 páginas
ISBN 9788528618525
 Sinopse
Meredith Martin Delinn perdeu tudo: seus amigos, suas posses, seu status social. Seu marido, Freddy, foi preso e condenado depois de ser flagrado operando um esquema financeiro fraudulento, que resultou em um prejuízo de bilhões de dólares para seus ricos investidores. Meredith, que não sabia de nada, se vê completamente desamparada. 
Sem ter para onde ir, ela telefona para a melhor amiga dos tempos de infância e adolescência, Constance Flute, que também não está num bom momento: além de ainda não ter superado a morte do marido, está também brigada com a única filha. A caminho de um verão reparador na ilha paradisíaca de Nantucket, a amiga resgata Meredith das legiões de paparazzi para um breve refúgio nas praias. Quando Toby, irmão de Connie e ex-namorado de Meredith dos tempos de escola, reaparece para passar um tempo por lá, as memórias que suscita a faz pensar na vida que estava levando e naquela que poderia ter tido.
Cortesia Grupo Editorial Record / Selo Bertrand Brasil

**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************


Meredith tinha tudo que uma mulher deseja: uma casa linda, filhos lindos, dinheiro e um casamento feliz, mas depois que seu marido foi flagrado roubando dos seus investidores, ela se vê sem nada, sem dinheiro, amigos, família. 

Tentando fugir de tudo que esta passando, entra em contato com a única pessoa que foi sua amiga de verdade nesta vida: Constance, que mesmo tendo seus problemas para resolver, acabar recebendo Meredith de braços abertos. Como as coisas tendem sempre a piorar depois de perder tudo, Meredith ainda esta sendo investigada por ser cúmplice do marido em seus roubos. Sendo odiada por todos os investidores que perderam tudo, ela começa a receber ameaças, e mesmo em seu esconderijo, começa a pensar em como pode limpar seu nome. Como provar que nunca fez parte da bagunça organizada por seu marido? Onde foi parar a vida de perfeição que enxergava?

Em meio a isto, Constance tem seus próprios demônios a enfrentar. Perdeu seu marido há dois anos e sua filha, que foi embora depois de uma briga e desde então, não entra em contato. Para suprimir a dor da perda, ela acolhe a amiga para poder ter uma companhia neste verão e juntas, lutaram para tentar ultrapassar seus próprios obstáculos, vivendo em situações completamente diferentes.

Segunda Chance é um livro que nos marca de uma forma especial, pois podemos ver o quanto as historias, vivenciadas pelas personagens, são reais. O leitor se identifica de cara com a personalidade de Meredith ou de Constance, ficamos torcendo para que der tudo certo com elas, pessoas que realmente merecem uma segunda chance na vida para serem felizes novamente. O interessante na trama é que mesmo separada em dois núcleos distintos, a obra não se torna confusa ou misturada. A autora soube fazer uma estrutura inteligente, interligando as personagens sem realmente chocar seus drama um sobre o outro, ou ressaltar mais um do que outro.

Elin Hilderbrand originalizou personagens magnificas, humanas e capazes. Além de serem mulheres, e a obra parecer ressaltar este fato, dando a entender que os obstáculos enfrentados por elas são ainda mais difícil devido a sua característica feminina e por ser o sexo "frágil" da sociedade, suas protagonistas não provém de dom sobrenatural ou de meios para escapar desta realidade que parece se tornar cada vez mais insustentável. As causas que levam ao desfecho da trama são as mais incríveis e "reais" possíveis, lidando não com o fantástico, como se uma resolução milagrosa aparecesse, mas sim com algo normal, cotidiano. Enquanto Meredith luta para limpar seu nome, com sagacidade e garra, Constance enfrenta o desapego com coragem e humildade. São personagens inspiradoras, de fato.

Por alguma razão, a ficção flertava com o significado da vida de forma muito mais direta do que a vida real.

Não poderia o classificar com menos que cinco estrelas, pois as historias de todos os personagens é emocionante e envolvente. Em uma edição singela, Segunda Chance é um livro para se inspirar.


Elin Hilderbrand faz o seus melhores escrito nas praias de Nantucket, bem como nas ruas encantadoras de Beacon Hill em Boston. Ela tem três filhos mágicos que pedem a ela para não cantar junto com o rádio ou dançar em público.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse-se