13 junho 2016

Resenha #57 - Vamos Juntas?!






Título: Vamos Juntas?
SubtítuloO Guia da Sororidade Para Todas
AutorBabi Souza
Editora: Galera Record
Ano2016
Especificações: Brochura | 144 páginas
ISBN9788501107510
 Sinopse
Toda mulher já se sentiu insegura na hora de sair sozinha na rua. O risco de ser abordada, perseguida ou assediada é uma realidade. Mas, um dia, uma moça chamada Babi Souza teve uma ideia simples e revolucionária: da próxima vez em que você estiver sozinha, olhe para os lados. Pode ter outra mulher andando na mesma direção. Por que não vão juntas?
Logo, o movimento Vamos Juntas? conquistou moças em todo o Brasil, se tornando um símbolo de união feminina e feminismo, na defesa por direitos iguais entre homens e mulheres. Aos poucos, muitas mulheres mudaram sua forma de enxergar o dia a dia e a moça ao lado.
Além de dados sobre o feminismo, que mostram como ainda há tanto a ser conquistado, este guia traz relatos de mulheres que aprenderam, junto ao Vamos Juntas?, a enxergar companheiras umas nas outras. A se unir, ao invés de rivalizar.
Cortesia Editora Galera Record (Grupo Editorial Record)


**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************
 




Você sabe o que é sororidade? Se sua resposta foi não, quero lhe dizer que eu também não sabia até ler este pequeno grande livro. Baseado em uma página do facebook com o mesmo nome, criada pela autora Babi Souza, a obra é além de um livro incrível e informativo, um passo ao movimento feminista, motivando a união da comunidade feminina. Um livro que nos ensina a colocar em pratica nossa empatia, empoderamento e sororidade.

Vamos Juntas? é um guia para as mulheres que andam na rua apertando a bolsa, andando rápido e olhando sempre de um lado para o outro, tentando enxergar se existe alguém a seguindo. O livro vem nos mostrar que não estamos sozinhas e que podemos olhar para trás ou para o lado e ver que temos uma mulher na mesma situação que você, precisando de sua companhia. Dessa maneira, a base central nessa obra é justamente modificar a visão da mulher como uma rival ou desconhecida, e unirmos umas as outras, razão que nos leva ao significado da palavra chave aqui: sororidade, que em uma definição mais genérica seria justamente "grupo de irmãs" ou "reunião de mulheres que se reconhecem como iguais".

Sou sincera a dizer que essa leitura foi uma grande aprendizagem para mim, não só por ser mulher, claro, e não conhecer, como também por ser algo totalmente diferente a tudo que já havia lido. Pude aprender as coisas citadas acima e o significado do feminismo, que a mim, antes, tinha uma visão totalmente diferente e errada. Vamos Juntas? deve ser lido por todas as mulheres que querem aprender a viver neste mundo com tantos preconceitos, violência e rivalidade, tendo uma narrativa simples e viciante.


O movimento Vamos Juntas? foi uma ótima ideia que salvou a vida de muitas mulheres apenas nestes primeiros meses de vida. Os depoimentos que são citados no livro são emocionantes e nos fazem pensar quando passamos pelo mesmo caso e não tivemos ninguém para ajudar. Após esta leitura vou prestar mais atenção na minha vida e nas pessoas que me cercam. 

Uma resenha é muito pouco para descrever uma obra tão ambiciosamente deliciosa e reflexiva. Ao invés de falar sobre esse livro, vou deixar em aberto para que você, leitora, se aventure nessas páginas e consiga a possibilidade de adquirir sua própria aprendizagem. Merece cinco estrelas e é a classificação que será dada por mim. Obrigada Babi Souza por nos apresentar a outras mulheres e nos ensinar a proteger umas as outras e a Editora Galera por nos permitir o acesso a essa obra maravilhosa.

Foto retirado do blog A World to Read

E não vamos esquecer dessa edição linda demais <3 Amei cada momento!



Babi Souza vive em Porto Alegre e se formou em Jornalismo pela PUC-RS em 2013. Trabalhou em diversos veículos de comunicação passando também por agências digitais. Por acreditar que o colaborativismo e o amor ao próximo são "a saída" para o mundo, criou em junho de 2015 o movimento Vamos juntas? e, em outubro de 2015, a Bertha Comunicação, uma empresa focada em impulsionar negócios de mulheres através da comunicação digital.





Um comentário:

Expresse-se