13 novembro 2016

Resenha #91 - Maio (A Garota do Calendário Vol 5)!





Título: Maio
Coleção: A Garota do Calendário
Autor: Audrey Carlan
Editora: Verus
Ano: 2016
Especificações: Brochura |144 páginas
ISBN: 9788576865261
 Sinopse
O quinto volume do fenômeno editorial nos Estados Unidos, com mais de 3 milhões de cópias vendidas Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em maio, Mia vai trabalhar como modelo no Havaí, onde conhecerá Tai, um dos homens mais impressionantes que ela já viu. Com ele, Mia vai descobrir que o prazer não tem limites — e que ela deve aproveitar absolutamente tudo o que a vida tem a oferecer.
Cortesia Editora Verus (Grupo Editorial Record)


**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************

Chegou mais um mês. Mia irá passar alguns dias no Havaí, onde trabalhará como modelo, para um estilista de roupas de banho que esta com uma nova campanha chamada: "a beleza vem em todos os tamanhos". Neste novo trabalho Mia vai conhecer Tai, o modelo que ira pousar com ela em muitas das fotos, coisa que lhe chamou muita atenção. Além da sua beleza, o rapaz é a cara do ator The Rock (Dwayne Douglas Johnsoncom todos os músculos e tamanho (e já confesso que este não me agradou. Não gosto de homens musculosos). Mas maio promete ser não só um mês de mais aprendizagem para Mia em questões de trabalho, como também no sentido de família e amizade, de forma que a garota terá que lidar com a nova fase de sua irmã, em pleno dezenove anos. 

Audrey Carlan pode marcar na lista dela mais um volume/mês que vai para a minha lista dos meus favoritos. Em 'Maio' adorei conhecer Tai com toda a sua formosura e beleza, e apesar de não ser meu tipo de cara, seu carisma e humor me conquistaram desde a primeira página. Bem desenvolvido pela autora, você se pega afeiçoando-se mais um rapaz que cruza o caminho da protagonista. 

Tai era explícito, bonito e atrevido ao mesmo tempo.  (Pag 73)

Em 'A Garota do Calendário' cada mês a autora me surpreende mais, com todas as suas ideias e temas abordados em casa livro, de forma que por incrível que pareça, nada parece repetido ou desnecessário. A cada novo envolvimento, uma nova aprendizagem ou afeição. Nesse jogo de inusitado, vou me apegando e me afeiçoando ainda mais pela personagem principal. Carlan é simplesmente brilhante tendo uma grande criatividade  para escrever todos estes livros e não se perder, pelo menos não até agora. Estou adorando conhecer cada vez mais as aventuras e desventuras de Mia Saunders, ansiando a todo instante para começar o próximo volume se saber o quais surpresas reservam os próximos clientes ou amantes.

Como já falei antes, 'Maio' entrou para a lista dos favoritos e a classificação do mesmo não poderia ser diferente, cinco estrela é lógico.



Audrey Carlan é uma autora best-seller do New York Times, USA Today e do Wall Street Journal. Alguns de seus trabalhos incluem as séries Falling e Calendar Girl (no Brasil, "A Garota do Calendário", pelo Grupo Editorial Record, sob o selo Verus).




2 comentários:

  1. É tão bom saber que a autora conseguiu se superar a cada volume, trazendo novos assuntos e situações, sem deixar a série monótona, focada só no casal. Ótima resenha!!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oii!
    Eu já ouvi falar muito desses livros, mas não me chamou atenção porque não é o tipo de leitura que eu gosto.
    Mas mesmo não colocando entre futuras leituras, eu gostei da sua resenha.^^
    Beijo

    Canastra Literária | Facebook | Twitter

    ResponderExcluir

Expresse-se