12 março 2017

Coluna: Top Top #7!


3 LIVROS QUE ME MARCARAM



PARABÉNS PRA MIM! Em pleno dia do meu aniversário, tem sim coluna especial, e hoje, eu escolhi os 3 livros que mais me marcaram! Sério, são extremamente especiais pra mim essas obras e com certeza vão sempre fazer parte da minha coleção.

Como estou completando meus 23 aninhos hoje, resolvi que gostaria de trazer uma coluna que falasse um pouco de mim, ou pelo menos tentasse. Tenho muitos livros na estante, mas durante uma faxina, com certeza, três deles se destacam pela importância que possuem para mim, e hoje, separei eles para mostrar e explicar o porque.


CREPÚSCULO - STEPHANIE MEYER

Todos podem falar o que quiserem sobre essa saga, mas ela sempre vai ser especial pra mim, de uma maneira que poucos vão entender. Desde pequeno eu amo ler, mas minhas leituras eram extremamente resumidas a mangás, HQs ou livros aleatórios muito perdidamente. Crepúsculo foi o primeiro livro que li e que fez com que eu realmente quisesse colecionar livros, consumir mais. Ele marcou minha transição final para o despertar do meu lado leitor e por esse motivo, ele tem valores sentimentais para mim. Não importa se a história é ruim, se o vampiro é uma fada ou se a autora falhou; importa saber que esse livro esteve e foi bom em uma fase da minha vida, e me motivou a conhecer outras obras que hoje, agradeço muito por conhecer. Tudo graças a iniciativa e a influência de um filme que, aparentemente, parecia tão batido.



PERCY JACKSON E OS OLIMPIANOS - RICK RIORDAN

Essa provavelmente é a série da minha vida. Quem acompanha o blog/canal e outras redes sociais minha ou do blog, sabe o quanto eu sou apaixonado por Percy Jackson. Esse amor começou justamente quando comprei Eclipse, da Stephanie Meyer e dentro veio um marcador de A Maldição do Titã, terceiro volume da série. Daí nasceu minha curiosidade de saber mais sobre essa história e no momento que comecei, não consegui mais parar. Todas as pessoas ou a grande maioria, possuem uma experiência semelhante com Harry Potter. Comigo foi Percy Jackson que realmente me apresentou os YA Infanto-juvenis. Eu me afeiçoei pelos personagens, pela escrita do autor, pela mitologia e me identifiquei com o protagonista em todos os volumes, de maneira que, Percy se transformou na versão literária que eu gostaria de ter escrito ou de ser.



TODO DIA - DAVID LEVITHAN

Para abrir minha mente, mostrar que tudo não é preto no branco e fazer com que eu questionasse  ideologias que trazia, mostrando o quanto a representatividade é importante, o livro não poderia ser de alguém diferente se não David Levithan. Esse foi meu primeiro contemporaneo lido e gente, sério, FOI AMOR A PRIMEIRA SINOPSE. Quando li sobre esse livro, eu soube, só de olhar, que ele seria meu mais novo queridinho e seria tiro certeiro investir na leitura. Quando li, Todo Dia se transformou em uma inspiração para mim. Eu queria mostrar esse livro pra todo mundo, fazer eles lerem, mostrar que a mensagem de não julgar pela cor, pelo gênero, pela raça, pela identidade, é importante, é o certo; que tudo o que importa é o amor, e a maneira como ele acontece. Era uma mensagem tão forte que transbordava de desejo que todos, TODOS, os meus amigos pudessem conhecer esse livro (e o máximo que eu pude eu conseguir fazer conhecer). Esse livro marca o momento da minha vida no qual eu desconstruir tudo de errado que havia na minha mente.

E você, qual livro mais te marcou?
Já leu algum desses?


Um comentário:

  1. Primeiramente Parabéeeeeeeeens!!! Tudo de Bom! Que ganhe muitos livros de presente! suahsuahsuah

    Com certeza Percy Jackson e Crepúsculo foram uma das séries que marcaram minha vida. E acrescentaria Instrumentos Mortais também ♥

    Paradise Books || @ParadiseBooksBr
    xoxo

    ResponderExcluir

Expresse-se