Coluna: Papeando com o Leitor #39!



Tendo novidades chegando para o mundo 'Pokémon', uma animação que está presente em nossa vida há muitos e muitos anos, a coluna de hoje faz parte de um conjunto especial de posts que pensamos para elencar curiosidades e conceitos interessantes desse mundo.

'Pokémon' é uma franquia famosa que já segue no pódio dos lucros e mídias há bastante tempo. Para cada novo jogo, um novo apurado de criaturas para capturar e novos conceitos para se conhecer. Desde seus primórdios, seus pokémon lendários e míticos possuem uma importância na narrativa, criando acontecimentos que tocam esse mundo. Sendo assim, separamos alguns para apresentá-los em colunas especiais que comemoram a chegada do mais novo jogo da franquia: 'Pokémon Sword/Shield', apresentado oficialmente há algumas semanas atrás.


Ainda com poucas informações apresentadas, o novo game teve algumas novidades divulgadas, dentre elas: seu mapa e os iniciais (pokémon que você deve ter como companheiro para iniciar o game).


Mas foquemos no principal fator desse post: CONCEITO. Com a logo divulgada, começam-se as especulações sobre a relação de seus possíveis pokémon lendários com o contexto geral desse mundo, e qual influência essa nova região deve ter para a história.


Claramente que para especular especificamente sobre outros conceitos mais secundários, precisamos fazer um apurado inicial, levando ao primeiro grande conceito que trabalhemos no post de hoje: a criação do universo pokémon. Tal conceito foi abordado inicialmente na região de Sinnoh, que seria a  localização da quarta geração dos games. Os jogos que trazem esse conceito são: 'Diamond', 'Pearl' e 'Platinum' (uma pequena curiosidade aqui: toda nova geração de Pokémon sempre tem dois jogos principais e normalmente no ano seguinte é lançado um jogo de expansão; com ressalva das gerações V e VII que tiveram dois jogos de expansão e a geração VI que não teve).

O começo desse universo é bem similar ao nosso no sentido bíblico, pois quando não havia nada, apenas escuridão, surgiu um ovo e nesse ovo havia um pokémon chamado Arceus. Portanto, Arceus foi o primeiro pokémon à existir sendo assim considerado o deus desse universo. Seu primeiro ato foi criar o conhecido Trio da Criação, formado por: Palkia que controla o espaço, Dialga que controla o tempo e Giratina que controla a anti-matéria. Como Giratina tinha um comportamento violento, Arceus a baniu para o Mundo Distorcido, uma dimensão que fica oposta a nossa e é composta de pura anti-matéria. Após esse evento, Palkia e Dialga usando seus poderes, criaram o mundo pokémon.



Como um ultimo ato, Arceus criou três pokémon que representariam dádivas de Deus, sendo Uxie uma representação do conhecimento, Mesprit da emoção e Azelf da força de vontade.


Após esses eventos temos o nascimento de Groudon, que acredita-se ter nascido nas profundezas do planeta, a partir da terra e magma endurecido e Kyogre que nasce da pressão nas trincheiras das profundezas do oceano. Ambos começaram a travar uma batalha querendo preencher o planeta com seus elementos terra e água respectivamente. Porém para intervir nessa briga surge Rayquaza que foi formado pelos minerais da camada de ozônio. Após isso surgem as Red Orb e Blue Orb que são capazes de controlar Groudon e Kyogre colocando-os em um sono profundo. Vale salientar que apesar de ter dito lá no começo que a história da criação surgem em Sinnoh, muitos lendários de outras regiões também estão envolvidos, aqui nesse paragrafo, por exemplo, temos a presença do trio lendário de Hoenn, a terceira geração.

Nesse meio tempo surge Regigigas, que começou a mover os continentes formando assim as regiões pokémon que conhecemos. Nesse ponto eu gostaria de fazer um paralelo com o nosso mundo. Essa parte me soa como se essa grande região pokémon fosse a nossa Pangeia, um único grande continente que depois foi se separando e formando todos os nossos continentes.

Como essa movimentação se deu de uma forma muito violenta, ela acabou transformando a crosta do planeta, fazendo assim surgir uma piscina natural de lava na região de Sinnoh. E dessa piscina acabou originando-se mais um lendário: Heatran.

Após essas mudanças físicas que o planeta sofreu, surgiram uma população daquele que é o ancestral comum da maioria dos pokémon, Mew. Claro que naquela época existiam muitos dele o que foi diminuindo com o passar do tempo até chegar à provavelmente um único que encontramos nos jogos da primeira geração.


Alguns informações a mais, fora do canônico, sugerem teorias que complementam a criação desse mundo. Como falamos, outros pokémon de outras gerações, geralmente estão envolvidas com conceitos que colaboraram para dar origem ao universo. Para começar, em algum momento na linha temporal surgiu Xerneas que é considerado o pokémon da vida. Ele seria responsável pela criação das vegetações do planeta. Para que isso pudesse acontecer era necessário que o trio de aves lendárias de Kanto (primeira geração do game), Articuno, Zapdos e Moltres, estivessem em completa sincronia, pois caso elas não estejam, acabam criando um cataclismo planetário que alterariam as correntes marítimas que por sua vez controlam o clima. Portanto, nesse momento Lugia que controla as aves já deveria existir.

Por fim, temos a participação de Zygarde, que é responsável pelo controle dos ecossistemas de todo o planeta.



Essas informações teóricas não canonizadas, por sua vez, aconteceriam no caso, antes do surgimento da população humana e pokémon, ou seja, antes do surgimento de Mew citado lá no começo do post e após as mudanças continentais de Regigigas.

No anime, Dialga e Palkia são abordados com maior profundidade na terceira temporada, que representa justamente a quarta geração (para saber mais sobre o anime, acessa aqui). Lá, não só a origem de que esses pokémon representam espaço/tempo é confirmada, como também detalhada. A importância da região de Sinnoh é elencada em sua significância para os estudiosos desse mundo, e pela primeira vez no enredo do anime, surge a influência de pokémon nas religiões. Sendo Arceus uma espécie de Deus, por toda a temporada, a criação e o surgimento dessas criaturas é um forte elemento. Inclusive, no filme, 'Pokémon: Arceus e a Joia da Vida' é retratada uma civilização que o adorava, cultivando-o em suas crenças.

Claramente que como bem colocamos, algumas teorias surgem para fechar espaços vazios deixados nessa linha do tempo. Este é só o primeiro passo nos muitos conceitos e mistérios que a franquia nos apresenta. Embora pareça infantilizada, 'Pokémon' tem muitos elementos adultos e interessantes para debater em sua construção formal.

E vocês, gostaram da coluna? Conheciam esse mapa da criação?
Comenta com a gente.



10 comentários

  1. Oi, Emerson!
    Migo, como falei no outro post, pra mim é só 250 pokémon e no anime até hahahhaha Daí pra frente não conheço mais nada
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu!
      KKKKKKKKKK, normal. Eu só foco nos lendarios das gerações que não vejo o anime.

      Abraços
      David

      Excluir
  2. Oi, gente! Tudo bom?
    Saudades de Pokémon <3 foi uma das primeiras histórias que eu REALMENTE embarquei quando era criança e segue comigo até hoje - parei lá na geração 3? Acho? Mas ainda amo tudo do universo.
    SAUDADES DO MEU LUGIA ZAPDOS MOLTRES E ARTICUNO MELHORES POKÉMONS LENDÁRIOS QUEM CONCORDA RESPIRA.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nizz!
      KKKKKKK EU AMO LUGIA. Pra mim o rei dessas ave. Mandava na porra toda. Me arrepio todo vendo Pokemon 2000 nem vou mentir KKKK.

      Abraços
      David

      Excluir
  3. aaaaaa

    hey Anderson, adorei essa explanação sobre o conceito e surgimento do universo Pokémon. Lembro de quando eu me debruçava, horas e horas lendo e estudando sobre esse assunto. Os lendários, míticos, etc

    Abçs
    https://www.bananices.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom mergulhar na mitologia de pokémon, tem uns conceitos tão legais e histórias tão interessantes. Inclusive em breve vou fazer outro post com mais um conceito da franquia ;)

      Excluir
    2. Ei Victor!
      Se curtiu esse, aguarde que em breve vem mais.

      Abraços
      David

      Excluir
  4. Olá, meninos.
    Eu adorei a postagem. Muito informativa. Creio que tem muita gente que como eu só conhece os animes e não sabia nada da história deles.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O anime às vezes traz esses temas, mas muitas vezes mudam algumas coisas só pra encaixar no ritmo dele. Mas fico feliz em poder compartilhar essas histórias com vocês <3

      Excluir
    2. Oi Sil!
      A gente que agradece voce ter curtida a postagem. Acredite que a gente aprende muito conforme estudamos pra montar o post.

      Abraços
      David

      Excluir

Expresse-se